A Avenida 9 de julio é a principal avenida de Buenos Aires, a capital da Argentina.

Os argetinos dizem que é a avenida mais larga do mundo, mas esta informação é um pouco discutível… Eles consideram que a avenida é o conjunto das duas faixas de rodagem centrais e mais dois laterais (Rua Carlos Pellegrini e Cerrito). Mas indepentemente de ser a mais larga do mundo ou não, é realmente enorme. Tem 140 metros de largura e 4 km de extensão.

O nome da Avenida 9 de julio é uma homenagem à data em que foi oficialmente declarada a independência da Argentina, perante a coroa espanhola. Aconteceu no ano de 1816 na cidade e San Miguel de Tucumán.

A sua construção inicou-se no ano de 1912 e decorreu durante 18 anos. Sofreu ainda algumas alterações até ao recente ano de 1980.

Numa viagem a Buenos Aires é impossível não passar várias vezes por aqui Vamos então conhecer alguns dos edifícios e monumentos a conhecer por aqui.

Obelisco

O Obelisco é o monumento mais importante da Avenida 9 de julio e mesmo da cidade. Foi projetado pelo arquiteto (argentino) Alberto Prebisch e inaugurado em 1938 para comemorar os 400 anos da fundação de Buenos Aires. Três anos depois de ser inaugurado quase que foi demolido, mas felizmente o decreto que o autorizava acabou por ser vetado.

Tem 67,5 metros de altura e uma base com 6,8 metros de um dos quatro lados. Em cada um deles encontram-se inscrições que são homenagens à história de Buenos Aires e da Argentina.

Localiza-se no cruzamento da Avenida 9 de julio com a Calle Corrientes, exatamente onde foi hasteada pela pimeira vez a bandeira da Argentina.

Edifício Eva Perón

O edifíco que inicialmente foi do Ministério das Obras Públicas localiza-se na Avenida 9 de julio e tem 93 metros de altura. Em 2011 foram colocados nas fachadas norte e sul, murais gigantes de Eva Perón. Cada um dos murais tem 31 metros de altura e 24 de largura.

A obra foi da responsabilidade do argentino Alejandro Marmo e tem o objetivo de reinvendicar Evita como íncone político e cultural. Tinha sido neste local que fez um discurso histórico antes da sua morte, em 1952.

Durante o dia vemos um retrato de Evita de ferro e durante a noite um outro com várias luzes.

Teatro Colón

O Teatro Colón é a principal casa de ópera de Buenos Aires e um dos melhores teatros do mundo. Foi inaugurado em 1908 após vários anos de obras de remodelação da responsabilidade conjunta de três arquitetos. Foi declarado monumento histórico nacional.

Nem sempre o teatro teve a mesma localização. Antes do edifício se encontrar na proximidade da Avenida 9 de julio estava na Plaza de Mayo, no local onde hoje em dia é o Banco da Argentina. Neste local não era tão popular como no atual.

É imperdível visitar este Teatro numa ida a Buenos Aires. Assistir a um espetáculo ou fazer uma visita guiada. A sala principal é em forma de ferradura e tems capacidade para 2478 slugares sentados e 500 em pé. Na sua cúpula existem 16 telas do argentino Raúl Soldi.

No fosso da orquestra podem encontrar-se 120 músicos e devido às suas características possibilitam uma acústica extraordinária.

Monumento às Cataratas de Iguaçu

Na Avenida 9 de julio existe um monumento com 280 metros de extensão, em formato de semicírculo, que representa a Garganta do Diabo. Esta é a queda de água com maior fluxo do conjunto de 275 que são as famosas Cataratas de Iguaçu.

Este monumento é uma homenagem ao facto de as Cataratas de Iguaçu terem sido nomeadas como uma das Sete Maravilhas Modernas do Planeta. Localiza-se na fronteira entre o Brasil e a Argentina.

Pin It on Pinterest

Share This