O Taj Mahal é um dos símbolos da Índia e uma homenagem a um grande amor.

Localiza-se no estado de Uttar Pradesh, na cidade de Agra, junto à margem do rio Yamuna.

A história começa com um príncipe que se enamorou de uma princesa, com quem veio a casar. A princesa chamava-se Arjumand Banu Begum, mas acabou por ser conhecida por Mumtaz Mahal, que significa “A eleita do palácio”, pois era a esposa preferida do Rei (de entre várias). Este era chamado de Shah Jahan bahadur, “O Rei do Mundo”, pelo reconhecimento da sua bravura militar.
Quando tinha 39 anos a Rainha morreu no parto do seu 14º filho. Porém, antes de morrer, terá dito que gostaria de descansar num grandioso mausoléu. E desta forma o Rei mandou edificar o complexo do Taj Mahal em homenagem à sua esposa favorita.

Na construção do mausoléu foi utilizado mármore branco e várias pedras semipreciosas nele incrustadas. Foi construído com a supervisão do Rei, entre 1631 e 1652 por mais de 20000 trabalhadores.
O mármore branco utilizado foi quase totalmente trabalhado com desenhos e passagens do Alcorão, o livro sagrado dos muçulmanos. A cúpula do mausoléu com 25 metros e um formato bolboso é a estrutura que mais se destaca.

O Rei pretendia mandar construir o seu próprio mausoléu do outro lado do rio, mas esta obra nunca chegou a ser realizada.

Quando perdeu o poder foi encarcerado e após a sua morte colocado também no Taj Mahal, passando então a encontrar-se os restos mortais de ambos no mausoléu.

De acordo com a lenda o Rei mandou cortar a mão direita ao responsável pela construção do mausoléu, para que não fosse possível construir nada igual…
Embora o mausoléu seja o edifício principal, atualmente existe ainda:

  • Portal principal: é também chamado de “Portão do Paraíso”, pois simbolicamente representa a entrada no mundo espiritual;
  • Jardim: existe um jardim com 320 x 300 metros entre o portão principal e o mausoléu. Está separado em 4 áreas por canais de água. Para os muçulmanos o jardim representa o paraíso imaginário;
  • Mesquitas: existe uma mesquita num dos lados do Taj Mahal virada para Meca e uma outra que é uma réplica, que terá sido construída para manter a simetria que existe no complexo;
  • 4 Minaretes em volta do mausoléu: para a chamada dos fiéis à oração;
  • Muralha nos 3 lados do complexo, com 8 torres de vigilância.

O Taj Mahal é realmente um local lindíssimo e uma bela e trágica história de amor… Aconselho visitar em alturas diferentes do dia, para ver as várias tonalidades que adquire com a variação da luminosidade.

Pin It on Pinterest

Share This