A cidade de Jodhpur é uma das cidades mais antigas do Rajastão, um estado localizado no norte da Índia.

É conhecida por cidade azul, uma vez que as suas casas têm as paredes pintadas dessa cor.

Quando Jodhpur e Jaipur se encontravam em guerra, o marajá pediu que os brâmanes de Jodhpur não fossem atacados. O exército de Jaipur aceitou o pedido e indicou que as casas onde os sacerdotes viviam deviam ser identificadas. E por essa razão, as casas foram pintadas de azul. A escolha desta cor estará relacionada com a cor da pele de Shiva ser azul.

Ao longo do tempo mesmo as casas que não eram habitadas pelos brâmanes também foram pintadas de azul, porque os habitantes não queriam ser atacados na guerra que se travava. Por outro lado pintar a casa de azul é uma demonstração de que os seus habitantes são devotos de Shiva.

Diz-se também que o azul é bom para afugentar os mosquitos e manter as casas mais frescas durante os abrasadores meses de verão. É que a cidade encontra-se em pleno deserto de Thar.

Ainda hoje as casas são pintadas de azul, mas o corante vegetal foi sendo substituído pelo sintético.

Para se ter uma vista panorâmica da mancha azul de todo o casario de Jodhpur, o ideal é visitar o forte Mehrangarh, o maior forte de todo o estado. Nesse forte destaca-se uma sala totalmente decorada de ouro e espelhos. Era aqui que o marajá realizava audiências privadas.

É uma cidade que vale a pena visitar. O Forte e o casario azul valem mesmo a pena!

Aconselho a leitura dos meus artigos “O sistema de castas da Índia” e “O hinduísmo e os seus deuses” para conhecer quem é Shiva.

Sabiam que também existe uma cidade azul em Marrocos? Quando falar deste país (que adoro) vou-lhe dedicar um artigo.

Pin It on Pinterest

Share This